Deficiência visual: ações simples e até sem custo ampliam inclusão

Publicado: 12 de dezembro de 2019
Deficiência visual: ações simples e até sem custo ampliam inclusão
Mais de 6,5 milhões de brasileiros têm deficiência visual, que é a perda total ou parcial da visão. A deficiência pode ser congênita ou adquirida e o nível da perda visual varia:  

- Cegueira: perda total da visão ou pouca capacidade de enxergar. Nessa situação, a pessoa pode usar o braile ou softwares leitores de tela em computadores e celulares.

- Baixa visão ou visão subnormal: comprometimento significativo da visão. Nesses casos, usam-se textos com letras ampliadas, lentes, aparelhos de ampliação e softwares leitores de tela.

Vale ressaltar: a pessoa com deficiência visual pode atuar em qualquer profissão, desde que tenha aptidão e habilitação necessárias. 

E é por isso que, no Dia Nacional da Pessoa com Deficiência Visual, a ABRH-ES chama a atenção para a necessidade de incluir esses profissionais nas organizações. 

É um desafio possível de ser vencido e, na maioria das vezes, exige apenas o software leitor e/ou ampliador de tela, que têm versões gratuitas! 

Em outros casos, ajustar a rotina, o mobiliário e as letras ou até a orientação da equipe são suficientes. 

O que não pode faltar, mesmo, é uma atitude positiva!

Lembre-se: a inclusão melhora o clima e aumenta o engajamento, a tolerância e o respeito à diversidade.

 

Compartilhe:

Receba Nossos Informativos:

Agenda Completa:

Agenda Completa

Filiada à:

Filiada à ABRH Nacional

Fale Conosco

Rua das Palmeiras, nº 685, Edifício Contemporâneo Empresarial, Sala 1.504,
Santa Lúcia - Vitória, ES - Brasil
CEP: 29056-210
27 98836-0250 / 3324-8326 / 3225-0886

Siga a ABRH-ES no Facebook

E RECEBA GRÁTIS AS MAIORES NOVIDADES DA GESTÃO DE RH DO ES.